Meu primo tirou meu cabacinho

Meu primo tirou meu cabacinho

Desde pequena eu e meu primo tinhamos um certo “chega mais”. Vira e mexe pegavam a gente brincando de médico no banheiro ou no salão de festas da casa da minha vó. Aos 14 anos fui morar com minha tia, mãe desse primo. Minha tia era muito rígida e ele por ser 6 anos mais velho que eu, já tinha namorada e uma vida normal de qualquer jovem dessa idade. Sempre que minha tia saía, eu ia junto com ela, nunca nada que pudesse sequer lembrar os fatos ocorridos na nossa infancia.

Continuar leitura

Meu Primo Safado

Meu Primo Safado

Desde pequena eu e meu primo tínhamos um certo chega mais. Vira e mexe pegavam a gente brincando de médico no banheiro ou no salão de festas da casa da minha vó. Aos quatorze anos fui morar com minha tia, mãe desse primo. Minha tia era muito rígida e ele por ser 6 anos mais velho que eu, já tinha namorada e uma vida normal de qualquer jovem dessa idade. Sempre que minha tia saía, eu ia junto com ela, nunca acontecia nada que pudesse sequer lembrar os fatos ocorridos na nossa infancia.

Certo dia fiquei de castigo e meu primo chegou mais cedo, pois teve um desentendimento com a namorada. Minha prima mais nova estava com minha tia e a mais velha estava com o namorado na casa dele. Era sexta-feira e nesse dia passava, num certo canal, filmes eróticos a partir das 22h. Eu estava no quarto e por lá fingi que fiquei. Meu primo na sala começou a assistir e ia aumentando o volume. Curiosa, fui na espreita ver o que ele estava fazendo e aquilo me deu um tesão incrível. Corri no quarto e fingi estar saindo do quarto para ir até a cozinha. Acendo a luz e ele abaixa o som vindo da sala, então perguntei se ele quer água. Ele, claro, aceita. Que bom! Continuar leitura

Viagem para Ubatuba

Viagem para Ubatuba

Meu nome é Diana, tenho 26 anos e hoje vou compartilhar uma de muitas histórias da minha infância. Nessa história estava apenas com 16 anos e já havia iniciado a minha vida sexual.

Minha família e eu sempre comemorávamos a entrada do novo ano viajando para Ubatuba. Alugamos uma casa bem grande com vários quartos e dividimos entre os membros da família. Essa divisão sempre causava briga entre os adultos, mas era facilmente resolvidas entre nós que eramos jovens. Todos os filhos, primos e irmãos ficavam no mesmo quarto, sem escolha.

Continuar leitura