Masturbação feminina: faça ela delirar com essas dicas do Jardim do Prazer

masturbação
Masturbação feminina: faça ela delirar com essas dicas do Jardim do Prazer
7 votos

Muitos homens julgam transar bem, mas nem ao menos conseguem fazer uma mulher gozar com a boca. O auxílio dos dedos naquela hora é essencial, mas o contato da boca na parte mais íntima da mulher faz com que ela possa perder o controle. A estimulação e masturbação feminina é importante para um bom sexo.

Sexo oral nas mulheres vai muito além de deixar ela molhada entre as pernas. É muito mais do que, simplesmente, saliva. É aquele tesão que vem de dentro para fora e a deixa, totalmente, lubrificada.

Se você sabe surpreender uma mulher usando a boca e os dedos, há uma grande chance de ela achar que o sexo foi bom, mesmo que o resto da performance não tenha sido inesquecível. Justamente por ser tão difícil encontrar um homem que entenda a delicadeza e as necessidades de um órgão tão minúsculo e poderoso como o clitóris (e que existe única e exclusivamente para gerar prazer), o homem que brilha nesse quesito ganha muitos pontos extras.

Estimulação e Masturbação Feminina

Fica aqui a dica número 1 para não vacilar nas preliminares com sexo oral e os dedos: Não exagere, pegue leve!

A área genital feminina é extremamente sensível, por isso, a suavidade (e não a força) gera prazer. Não é recomendável utilizar os dentes nem aplicar pressão – acredite: isso só funciona em filmes eróticos onde tudo é falso. “O contato deve ser suave para que a estimulação não gere dor e medo”, ressalta o psicoterapeuta sexual Oswaldo Martins Rodrigues Junior, diretor do Instituto Paulista de Sexualidade (INPASEX).

Estimulação Clitoriana com as Mãos

Massageando – Coloque o clitóris entre o polegar e o indicador e, gentilmente, massajei-o. Você pode começar devagar e ir aumentando gradualmente a velocidade e pressão conforme a sensação de prazer da parceira.

Massagem circular – Utilize os dedos indicador e o do meio de qualquer mão e coloque-os sobre o clitóris da parceira. Comece a massagear fazendo movimentos circulares alterando a velocidade e de forma leve. Se desejar mudar um pouco a sensação, coloque um pouco de gel lubrificante nas pontas dos dedos.

Palmadinhas com a ponta dos dedos – Esse carinho é um pouco diferente e não funciona igualmente para todas as mulheres. Algumas poderão sentir prazer, quanto que outras não irão gostar. Use os dedos de uma das mãos e puxe os lábios vaginais para trás, expondo o clitóris. Com a outra mão, comece a dar leves tapinhas com a ponta do dedo indicador em cima do clitóris variando a velocidade.

Além disso, algumas mulheres gostam quando intercala uma estimulação no clitóris com uma penetração, se você souber chegar no ponto G da menina, melhor ainda.

Estimulação Oral

Explore toda a área genital com os lábios e a língua – não concentre o toque da língua apenas no clitóris, a insistência pode causar aflição no começo. Utilizando a língua e os lábios, estimule a toda a vulva da parceira, com suavidade. Alternar o tipo de toque pode ser altamente e excitante para ela.

Experimente beijos e lambidas nas coxas, na virilha, até encontrar os grande lábios. Passe a língua por dentro e por fora deles; chupadas também são bem-vindas.

Dedique carinhos para os pequenos lábios. Movimente a língua, com auxílio dos lábios, de cima para baixo e vice-e-versa, de forma suave. Alterne com movimentos laterais por toda a extensão.

Movimente a sua língua pela intimidade para que faça a forma de um 8, tendo como ponto central do desenho o clitóris da parceira. Esse é um dos carinhos de maior sucesso durante o sexo oral.

O clitóris tem como única função gerar prazer para a mulher, por isso, estimule-o com atenção usando a língua e os dedos, mas cuidado para não machucá-la ou causar desconforto. Faça movimentos leves, explore-o o máximo que puder e não esqueça de unir todos os carinhos acima.

Apegue-se aos detalhes e preste muita atenção na reação de sua parceira a cada estímulo novo que você deferir sobre as partes sensíveis dela. Dedique-se e descubra do que é que ela mais goste. Experimente, pergunte e entenda como ela funciona. Com certeza isso vai deixá-la muito mais satisfeita e você muito mais feliz.

Share Button
Masturbação feminina: faça ela delirar com essas dicas do Jardim do Prazer
7 votos